sexta-feira, 1 de junho de 2012

PREPARAÇÃO - FUTURO ACADÊMICO - Noções Básicas - ARTIGO DE OPINIÃO



  O ARTIGO DE OPINIÃO - A todo instante temos de nos posicionar sobre certos temas que circulam socialmente. Por exemplo, a pena de morte é uma saída contra a violência? Uma mulher grávida deve ter o direito de interromper a gravidez de um feto anencéfalo? A televisão deve sofrer algum tipo de controle? O tabagismo?  Como resposta a essas e outras questões, são publicadas em jornais e revistas ARTIGOS DE OPINIÃO, nos quais o autor expressa um ponto de vista sobre o tema em discussão.

 CARACTERÍSTICAS DO ARTIGO DE OPINIÃO - Texto argumentativo que difunde opinião sobre um tema polêmico. Circula nos meios de comunicação em geral, por exemplo, jornais, revistas e outros. Tem como estrutura básica uma ideia central (que resume o ponto de vista do autor) e sua fundamentação com base em argumentos, construídos a partir de verdades. Exige a variedade padrão da língua.

COMO PRODUZIR O ARTIGO DE OPINIÃO - Use a 1ª pessoa do plural ou a 3ª do singular. (Embora permitido por alguns autores, a maioria recomenda que o aluno não use a 1ª pessoa do singular) Verbos predominantemente no presente do indicativo. Expressa o fato no momento em que se fala. O aluno lê um poema. Posso afirmar que meus valores mudaram. Um aluno dorme. . Construa períodos curtos, com no máximo duas ou três linhas, evitando orações intercaladas ou ordem inversa desnecessária. Empregue vocabulário escolarizado, evitando termos coloquiais, adjetivação desnecessária, gírias, afirmações extremas e generalizações.

 Modelo de artigo de Opinião –

Nos gêneros argumentativos em geral, o autor tem a intenção de convencer seus interlocutores e para isso precisa apresentar bons argumentos, que consistem em verdades e opiniões. O artigo de opinião é fundamentado em impressões pessoais do autor do texto e, por isso, são fáceis de contestar.
A partir da leitura de diferentes textos, o escritor poderá conhecer vários pontos de vista sobre um determinado assunto.


ESQUEMA-SÍNTESE

TÍTULO: geralmente uma frase que chame a atenção do leitor


INTRODUÇÃO: apresentação da polêmica, mais o seu ponto de vista em relação a ela.


DESENVOLVIMENTO:

-1ºPARÁGRAFO: Argumentação que sustente o seu ponto de vista.
-2ºPARÁGRAFO: Mostrar a opinião que opositores ao seu ponto de vista têm em relação à polêmica.
-3ºPARÁGRAFO: contestar e criticar a opinião dos opositores


CONCLUSÃO: Reafirmar o seu ponto de vista em relação à polêmica.

Exemplo de um Artigo de Opinião

A Necessidade das Diferenças



De acordo com a Teoria da Evolução, criada pelo cientista inglês Charles Darwin, o que possibilita a formação do mundo como conhecemos hoje, foi à sobrevivência dos mais aptos ao ambiente. A seleção se baseia na escolha das características mais úteis e não nas diferenças. É do conhecimento geral que alguns governos totalitários promoveram e promovem genocídios por considerarem determinadas raças inferiores.


Do meu ponto de vista, se no âmbito biológico, as variações são imprescindíveis à vida, no sociológico, não pode ser diferente. Uma vez todos iguais, seríamos atingidos pelos mesmos problemas, sem perspectivas de resolução, já que todas as ideias e problemas seriam semelhantes bem como todas as formas de ação para solucioná-los.

Obviamente, nem todas as diferenças, são benéficas. Por exemplo, a diferença entre as classes sociais, como é hoje na sociedade brasileira, uma das mais acentuadas do mundo, não podem ser concebíveis. Para somar a diferença social, é importante uma distribuição de renda mais igualitária, aliada a oportunidade de trabalho, educação e saúde para todos.

Mas há quem se baseia nestas diferenças, para excluir os menos favorecidos, há atos que entraram para a história, como exemplos de vergonha para a humanidade, basta lembrar-se do Holocausto imposto pelos nazistas aos judeus na Alemanha ou a matança dos curdos do Iraque promovido pelo ex-ditador daquele país.

Dessa forma, devemos nos conscientizar, de que somos todos iguais em espécie, mas conviver com as diferenças, por difícil que pareça, nos enriquece como pessoas. Nossos esforços devem ser voltados contra discriminações vis, como racismos e perseguições religiosas, que apenas nos desqualificam como seres humanos.



Legenda com o significado das cores

Relato da polêmica
Ponto de vista em relação à polêmica
Argumentos que sustentam o ponto de vista:Argumentos dos opositores
Conclusão




Veja aqui um novo artigo de opinião a respeito de um assunto polêmico que é o uso do boné e do celular em sala de aula.



Uma Proibição Necessária

Um assunto que vem despertando a atenção não só da comunidade acadêmica, mas da sociedade como um todo, é a proibição do uso de celulares e bonés pelos estudantes na sala de aula. A discussão acirrou-se após a restrição do uso desses objetos em algumas escolas. Apesar da polêmica instaurada, cremos que a vedação é a melhor solução.

No que se refere ao celular, à proibição do seu uso em sala de aula é uma medida que se harmoniza com o ambiente em que o estudante está. A sala de aula é um local de aprendizagem, onde o discente deve se esforçar ao máximo para extrair do professor os conhecimentos da matéria. Nesse contexto, o celular é um aparelho que só vem dificultar a relação ensino-aprendizagem, visto que atrapalha não só quem atende, mas todos os que estão ao seu redor.

Quanto ao boné, a restrição de seu uso em sala de aula se deve a uma questão de educação e respeito pela figura do mestre. Deve-se ter em mente que o professor - assim como os pais e as autoridades religiosas - merece todo o respeito no exercício do seu ofício, que é o de transmitir conhecimentos. Do mesmo modo que é mal-educado sentar-se à mesa com um chapéu na cabeça, assistir a uma aula usando um boné também o é.

Por outro lado, alguns entendem que o Estado não poderia proibir os celulares e bonés em sala de aula, visto que violaria o direito da pessoa de ir e vir com seus bens. Entretanto, devemos ter em mente que não existe direito absoluto, todos são relativos. E sempre que há um conflito entre eles, deve-se realizar uma ponderação de valores, a fim de determinar qual prevalecerá. No caso em análise, o direito da coletividade (alunos e professores) prevalece sobre o direito individual de usar o celular ou o boné na sala de aula.

Desse modo, percebe-se que há razoabilidade nos objetivos pretendidos pela proibição, visto que beneficia toda a comunidade acadêmica. Os estudantes devem se conscientizar que escola é sinônimo de aprendizagem, e que todo esforço deve ser feito para valorizar o processo de ensino e a figura do professor.


Observe no artigo.


Relato da polêmica
Ponto de vista em relação à polêmica
Argumentação Argumentos que sustentam o ponto de vista Argumentos dos opositores
Conclusão
 
FAÇA  O  SEU  -   TEMA LIVRE.
FORMATAÇÃO DO  ARTIGO – PREPARAÇÃO PARA O FUTURO ACADÊMICO

TEMA – NEGRITO CENTRALIZADO,  FONTE ARIAL, 12

NOME ( FONTE TIMES NEW ROMAN  OU ARIAL ) 10 (ITÁLICO )

RESUMO
PALAVRA CHAVE
A INTRODUÇÃO ( APRESENTA O TEMA DO ARTIGO E A A PROBLEMÁTICA – POLÊMICA )
DESENVOLVIMENTO- SUBITENS- QUESTÕES ENVOLVIDAS, REFERÊNCIAS TEÓRICAS DURANTE PESQUISA. NÃO SE ESQUEÇA DAS CITAÇÕES, COMPARAÇÕES, EXEMPLIFICAÇÕES, JUSTIFICATIVAS E OUTROS...
CONSIDERAÇÕES FINAIS –
BIBLIOGRAFIAS CONSULTADAS.

LEMBRE-SE, CITAR TRECHOS DE TRABALHOS DE OUTROS AUTORES, SEM REFERENCIAR ADEQUADAMENTE, PODE SER ENQUADRADO COMO PLÁGIO. NÃO SE ESQUEÇA DE ANOTAR TUDO, AUTOR, EDIÇÃO, ANO, CIDADES SE POSSÍVEL ATÉ A PÁGINA DOS LIVROS QUE PESQUISAR (ESSAS INFORMAÇÕES SÓ FORAM POSSÍVEIS DEVIDOS Á VÁRIAS LEITURAS RETIRADAS DA INTERNET, LIVROS DIDÁTICOS E CONHECIMENTOS ADQUIRIDOS DURANTE ALGUNS ANOS DE SALA DE AULA. REFERÊNCIAS-IENH. MANUAL DE NORMAS DA ABNT. DISPONÍVEL EM WWW.ienh.com.br).


3 comentários:

  1. obrigado professora, me ajudo mt valeeeu (:

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. EMBRE-SE, CITAR TRECHOS DE TRABALHOS DE OUTROS AUTORES, SEM REFERENCIAR ADEQUADAMENTE, PODE SER ENQUADRADO COMO PLÁGIO. NÃO SE ESQUEÇA DE ANOTAR TUDO, AUTOR, EDIÇÃO, ANO, CIDADES SE POSSÍVEL ATÉ A PÁGINA DOS LIVROS QUE PESQUISAR (ESSAS INFORMAÇÕES SÓ FORAM POSSÍVEIS DEVIDOS Á VÁRIAS LEITURAS RETIRADAS DA INTERNET, LIVROS DIDÁTICOS E CONHECIMENTOS ADQUIRIDOS DURANTE ALGUNS ANOS DE SALA DE AULA. REFERÊNCIAS-IENH. MANUAL DE NORMAS DA ABNT. DISPONÍVEL EM WWW.ienh.com.br).

    ResponderExcluir